Print Friendly, PDF & Email

Praça Paris é um marco na história do Rio de Janeiro e, por reconhecer sua importância turística, o então prefeito Marcelo Alencar investiu nela um milhão de dólares, limpando, recuperando, embelezando e cercando a praça. Até o velho chafariz de tantas recordações voltou a funcionar normalmente.

Mas como a iniciativa de recuperar a Praça Paris não foi do atual prefeito, hoje a conservação e a segurança já não são as mesmas: os guardas desapareceram e os portões, sem vigilância, permanecem abertos aos traficantes e ladrões, afastando a população que poderia fazer uso daquele espaço,  público que é, e que assim deve ser tratado por qualquer governante.

É a velha filosofia do “isto não é comigo”.

E pensar que o cartão postal da Praça Paris, como um símbolo da Cidade Maravilhosa, continua circulando por todo o Mundo! ! !

Para qualquer pessoa que ama o Rio, é triste constatar o descaso das autoridades municipais para com a Praça Paris, um fato notório e profundamente lamentável. Confiante de que o Governo Municipal possa superar, a curto prazo, a sua declarada incapacidade administrativa, esperamos que a Fundação Parques e Jardins socorra a Praça Paris, mantendo-a como um dos locais mais aprazíveis do Rio de Janeiro, símbolo da humanização da Cidade, da coexistência harmoniosa entre a intensa presença humana e um jardim paradisidíaco.